header-area-background-wrapper
Menu
site-banner
center-left-menu

Como funciona?

1 min de video
center-right-menu

Constituição de uma empresa para custódia de imobiliário

Constituir uma empresa offshore para a deter imóveis, independentemente do país, no qual a propriedade está localizada, tornou-se uma ocorrência comum. Atuar como uma empresa holding de imobiliário no estrangeiro, a entidade registada em offshore permite que o(s) titular(es) efetivos(s) beneficiem de um regime fiscal melhorado e reduziam muitos dos custos associados ao investimento em bens no estrangeiro.

Se a propriedade imobiliária for propriedade de uma International Business Company (IBC), como nas Ilhas Virgens Britânicas, nas Seychelles ou no Belize, e a propriedade for usada para gerar receitas de rendas - dependendo do país, no qual a propriedade está localizada - a empresa offshore pode reduzir o nível eficaz de qualquer retenção na fonte sobre o rendimento através da correta estruturação de financiamento. No que diz respeito às mais-valias, no caso de venda do imóvel, uma vez que o imóvel é propriedade de uma empresa holding offshore, este tipo de receitas pode não estar sujeito a tributação ou pode ter uma tributação reduzida dependendo da jurisdição onshore, na qual a propriedade está localizada.

Além disso, a venda de um imóvel pertencente a uma empresa offshore é mais eficiente e pode ocorrer mais rapidamente do que quando se trata de uma propriedade de um particular, uma vez que aquela simplesmente implica a transferência de ações da empresa para o comprador da propriedade. Este tipo de transação também pode poupar ao titular efetivo custos como taxas legais e o imposto de selo.

Além disso, o imposto sucessório - no caso de uma transferência para herdeiros - não seria aplicável se uma empresa offshore for a proprietária do imóvel. Enquanto que, no caso de morte do titular efetivo, a obtenção de uma sucessão pode ser evitada; o que significa uma transferência simplificada e mais ágil da propriedade do imóvel.

A privacidade é outra razão para optar por uma empresa offshore para deter imóveis, como em muitas jurisdições offshore, os registos públicos de propriedade da empresa não estão disponíveis. E para maior confidencialidade, essas empresas podem ser formadas com um diretor e/ou acionista nomeado, que pode atuar em nome do titular efetivo, e, assim sendo, o nome do proprietário não aparece nos documentos corporativos da empresa.

Assim que a empresa offshore é constituída, pode ser aberta uma conta bancária internacional em nome da empresa, e esta conta pode ser para receber receitas de rendas, quando necessário, ou de transação final quando a venda da propriedade for eventualmente efetivada. Esta conta também pode ser usada para administrar as taxas de imóveis e os pagamentos a quaisquer diretores de propriedade, poupando o titular efetivo do uso de contas pessoais.

A SFM trabalha em 15 jurisdições diferentes, e oferece às empresas a possibilidade de constituir uma empresa offshore em 24 horas, seguida pela abertura de uma conta bancária internacional em questão de dias.

Do início ao fim, a SFM está apta a tratar de todo o processo de constituição da empresa e de abertura da conta bancária. Oferecemos uma one-stop-shop para todas as suas necessidades de serviços corporativos e de abertura de conta bancária. Para começar já hoje o processo, preencha o formulário de encomenda online na seguinte ligação: ENCOMENDAR AGORA

 

Encomendar sua empresa